Terça, 17 de Maio de 2022 01:22
11 11 99843-7541

Pancada de chuva

São Bernardo do Campo - SP

Dólar com.

R$ 5,06

Euro

R$ 5,28

Peso Arg.

R$ 0,04

Especiais Prevenção é o foco

Em São Bernardo, Operação Pé D’Água previne 260 acidentes decorrentes das chuvas

Iniciativa foi lançada em dezembro do ano passado a fim de minimizar o impacto das chuvas do verão

07/05/2022 09h31
Por: Redação Fonte: PMSBC
PMSBC
PMSBC

A Operação Pé D’Água, lançada no fim do ano passado pelo governo do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, a fim de reduzir os riscos causados pelas chuvas de verão, registrou 260 ações de prevenção de acidentes. A quantidade diz respeito ao período em que vigoraram as iniciativas, de 1º de dezembro de 2021 a 15 de abril deste ano. 

Balanço das ações realizadas pela Defesa Civil de São Bernardo indica que, do total de atendimentos, estão vistorias feitas pelo órgão que resultaram na redução de acidentes, como os decorrentes de quedas de árvores (141 ocorrências); identificação de riscos de alagamentos (duas); desabamentos/deslizamentos e escorregamentos (100); inundações (quatro); riscos de impactos em obras (três), dentre outras ações. 

De dezembro de 2021 ao mês passado, a Defesa Civil também atendeu a 135 ocorrências relacionadas às consequências das chuvas, sendo a maioria incidentes provocados por quedas de árvores. A Operação Pé D’Água 2021/2022 envolveu força-tarefa de diversas secretarias para atender às demandas, sobretudo sociais, para preservar vidas e atender às necessidades da população que reside em áreas de risco. Nesse contexto, também foram concedidos durante os quatro meses de operação mais de 100 benefícios e assistências humanitárias, como cartões alimentação, de transporte, e distribuição de toalhas, colchões e cobertores.

TRANSFORMAÇÃO - Para o prefeito Orlando Morando, a operação se mostrou eficaz como política de governo para prevenir e reduzir os danos causados pelas chuvas de verão. “Desde o primeiro dia de gestão uma das nossas prioridades foi a de acabar com as enchentes que castigavam a cidade e cuidar das pessoas mais vulneráveis aos desastres causados pelas chuvas. Já investimos mais de R$ 500 milhões em obras de drenagem. É o maior plano de transformação que São Bernardo já assistiu”, frisou o chefe do Executivo, ao mencionar a construção do Piscinão do Paço, principal equipamento antienchente, que foi entregue pela atual administração em agosto de 2019. O reservatório tem capacidade para armazenar 220 milhões de litros de água. 

DEMAIS AÇÕES – Além da Operação Pé D’Água, o município mantém ações permanentes de redução de riscos às enchentes, como limpeza de piscinões e de estações elevatórias, como a do Rio Claro (Avenida Lauro Gomes), onde foi retirado 128 toneladas de resíduos. Também foram feitas, por meio da Secretaria de Serviços Urbanos, a limpeza de 1.240 bocas de lobo e a retirada de 600 toneladas de resíduos em córregos. 

Os investimentos em drenagem e saneamento básico estão no escopo dessas iniciativas. Nos últimos meses, o prefeito Orlando Morando vistoriou as obras de canalização dos córregos dos Lima, na região central da cidade, e Saracantan, na região do Parque São Bernardo. Juntas, as duas intervenções somam cerca de R$ 14,5 milhões em investimentos e estão em fase final.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.